Lana Del Lovers

Dossiê: Bradley Soileau

Bradley Chedester Cabaness-Soileau, mais conhecido como Bradley Soileau, é do signo de Áries, tem 30 anos, nasceu em Baton Rouge, Lousiana, interior dos Estados Unidos, e, além de modelo, é DJ, produtor e designer de moda.

Atualmente, o modelo, que contracenou ao lado de Lana Del Rey nos videoclipes de Born To Die (2011), Blue Jeans (2012) e West Coast (2014), é um dos rosto mais conhecidos em editorais de moda urbana.

Segundo Bradley, ele foi apresentado à Lana pelo diretor de Born To Die, o cantor Yoann Lemoine, também conhecido como Woodkid. Para o projeto, eles precisavam de um ator/modelo tatuado, e foi aí que surgiu a oportunidade. Então, o mundo pôde conhecê-lo através dos dois primeiros trabalhos com Lana Del Rey.

“Nós nunca tínhamos nos encontrado antes. Eu não sabia quem ela era na época. Ela ainda não era muito conhecida. ‘Video Games’ era a razão de ser conhecida. Então, basicamente, fui para a agência um dia. Foi uma loucura, porque eu vinha fazendo editoriais de revistas e eu não tinha ideia de que eu iria entrar nisso. Eu estava pagando dinheiro para a viagem e toda essa merda e indo para estes castings. Eu não tinha dinheiro para comer. Então, ok, mas antes de marcar procurei Dave [agente da Red Model Management] e estava dizendo que eu não sabia quanto tempo mais eu estaria fazendo isso. Não pagava pelas 12 horas por dia. Sinto que dois dias depois, Dave disse: ‘Ei, você estará nesse vídeo de Lana Del Rey.’ E eu perguntei: ‘Quem?’ Então, eu estava em seu escritório e ele me mostrou ‘Video Games’ e disse: ‘Tudo bem. Isso é legal.’ Eu era novo para isso e eu não sabia o que iria implicar ou o que iria acontecer.”

“Inicialmente, era para ser filmado em Nova Iorque. Eles apenas me chamaram. Eu não fui a um casting. O diretor, Yoann Lemoine, tinha visto fotos minhas feitas por um fotógrafo que era amigo dele. Ele disse que estava procurando por um jovem tatuado. Eu era um novo rosto. Completamente novo. Basicamente, eles apenas me chamaram e então eu fui para Paris. Eles tinham um cast na Europa. Eu não tenho certeza sobre isso, mas essa foi a história que me contaram. Eu acho que Lana viu minhas fotos.”

A marca do modelo são suas inúmeras tatuagens pelo corpo, que para ele são expressões artísticas. Segundo Bradley, a primeira foi aos 16 anos, mas já foi coberta por outro desenho. A mais marcante seria a frase ”War inside my head” (“Guerra dentro da minha cabeça”, em português) tatuada em sua testa e seria uma música da banda Suicidal Tendencies.

Curiosidades:

  • Recentemente, lançou uma marca de roupas intitulada Blackfist;
  • Em 2006, foi condenado à pena de 1 (um) ano de prisão por roubar um veículo;
  • Já admitiu ser um ex-traficante de drogas;
  • Em 2012, casou-se com a cantora Porcelain Black, mas em 2014 o casal se divorciou de forma conflituosa;
  • Já fez ensaios fotográficos completamente nu.

Redes Sociais:

Jallison Campos