Lana Del Lovers
Lana Del Rey - Ultraviolence (2014 - Neil Krug)

20 Minuten | Lana Del Rey fala sobre Kim e Kanye, ‘Ultraviolence’ e fim do seu relacionamento com Barrie

Em entrevista para o site alemão 20 Minuten, Lana Del Rey falou sobre como foi cantar no casamento de Kim Kardashian e Kanye West, fim do seu relacionamento com Barrie-James O’Neill, e também sobre o álbum Ultraviolence. Leia abaixo a tradução da entrevista:

Lana, recentemente você apresentou-se no casamento de Kim Kardashian e Kanye West. Como foi?

Foi ótimo! Eu só apresentei três músicas, incluindo Young And Beautiful, que é a música deles.

Como era o humor deles?

Bem descontraído. Até o convite deles era excitante. Kanye disse: “venha e cante.”

Você gostaria de se casar?

Claro! E eu gostaria de ter filhos. Espero que isso aconteça algum dia.

No início do ano, haviam rumores de que você e seu namorado estavam noivos.

Nós não estamos mais juntos.

O que isso significa?

Ele é um homem maravilhoso, mas há certas coisas que ele tem que superar. Eu não vou entrar em detalhes. Isso foi difícil para o nosso relacionamento. Não estava me sentindo mais livre. Vamos ver como vai ser a partir daqui.

Você acaba de lançar o seu novo álbum Ultraviolence – um grande sucesso. O que você mais espera para este ano?

Nada mais. O álbum está terminado. Ele levou muito tempo e exigiu muito de mim. Eu fiz o que eu queria fazer. Após o último festival, tudo estará acabado para mim. O que vem a seguir? Ainda não sei, mas estou completamente aberta para o que vier.

A música Fucked My Way Up To The Top é irônica de se entender?

Vou dizer assim: é uma mistura. De primeira, há amargura sobre o que algumas pessoas pensam sobre mim. Em seguida, a letra é sobre diferentes experiências que influenciaram minha vida.

Suas músicas são pesadas e sombrias. Quando foi a última vez que você ficou realmente feliz?

Quando eu segurei meu novo álbum em minhas mãos. Mesmo que isso soa um pouco clichê. Parecia uma manifestação de toda a agitação e beleza dos últimos anos. Caso contrário, eu fico feliz quando eu dirijo na Pacific Highway ouvindo The Eagles bem alto.

Tradução por Gabriela Mendes e Thiago Goedert. – Equipe Lana Del Lovers
Entrevista original por 20 Minuten.