Lana Del Lovers
Lana Del Rey - Mariners Apartment Complex

Repercussão de ‘Mariners Apartment Complex’, novo trabalho de Lana Del Rey, na imprensa

Juntamente com seu videoclipe, Lana Del Rey lançou nesta última quarta-feira (12) Mariners Apartment Complex, faixa que estará em seu próximo álbum (previsto para ser lançado em 2019), e a imprensa internacional já começou a liberar suas análises sobre o trabalho.

Selecionamos as principais reviews divulgadas até o momento.

Harper's Bazaar

Com duas novas canções, Lana Del Rey chegou para ajudá-lo a combater a tristeza que veio acompanhada com a proximidade do fim do verão. Ela lançou a primeira das duas novas faixas hoje, Mariners Apartment Complex, que foi produzida por Jack Antonoff. 

A faixa mantém-se fiel ao som sombrio e turbulento característico da cantora, estruturada por uma balada melancólica e guiada por um piano. O próximo single de Lana Del Rey, Venice Bitch, está agendado para ser lançado em 18 de setembro, de acordo com a Complex. Ambas as canções antecedem seu próximo álbum, previsto para ser lançado em 2019. Os lançamentos são subsequentes ao seu recente álbum Lust For Life, que estreou em julho de 2017.

Com o single inesperado, Del Rey lançou um vídeo conceitual em preto e branco dirigido por sua irmã, a artista visual Chuck Grant.

Noisey

Lana Del Rey, a sedutora amiga da indústria moderna de elementos da metade do século passado, está de volta e com um novo singleMariners Apartment Complex estreou no programa da radialista Annie Mac, na BBC Radio 1, esta tarde. Seguindo o estilo característico de Del Rey, a faixa é uma crescente balada acompanhada por um violão dedilhado vagarosamente e alguns destaques na textura musical. Em entrevista à BBC Radio 1, a cantora disse que a canção é sobre a desconexão entre percepção e realidade nos relacionamentos. Ela será seguida por outro single, que é maravilhosamente chamado de Venice Bitch, em 18 de setembro.

single é a primeira música original lançada por Del Rey desde seu álbum do ano passado, o Lust For Life — e o primeiro fruto de seu trabalho com Jack Antonoff.

Gigwise

Os toques de bateria estão completamente de fora, ao que parece, desse single impressionantemente prolixo. Esta música e álbum são produzidos por Jack Antonoff (St. Vincent, Taylor Swift e Troye Sivan). No ano passado, o Gigwise acompanhou uma apresentação ao vivo de Lana Del Rey onde alguns novos arranjos foram incorporados — logo, talvez isso indique o que está por vir no novo disco.

Será que esta mudança sutil de direção harmoniza-se com Lana Del Rey? Este primeiro single é uma slow burner [chama que queima devagar, em tradução ao pé da letra para o português; em inglês e para músicas, esta expressão é utilizada para descrever uma canção que não impressiona imediatamente, mas que se torna cada vez mais agradável conforme você for ouvindo] — como uma “vela no vento”, entendeu? Às vezes, suas palavras não parecem ter concordância em alguns versos, mas, para ser honesto, esta é uma crítica desnecessária. Quero dizer, estes são alguns de seus versos: “E quem eu fui está com você nessas praias / Sua vadia de Venice, sua teimosa, sua fraqueza”.

Os refrães de Del Rey realmente soam bem, e a guitarra no final desta música é realmente exuberante.

Não sou uma grande fã de Lana Del Rey, mas eu diria que esta faixa me conquistou — estou aproveitando esta nova fase similar a canções de rock ouvidas por meu pai antigamente. Se você já é fã — e eu sei que há muitos de vocês — você definitivamente vai adorar Mariners Apartment Complex, já que ela mostra seu crescimento constante em tornar-se uma compositora mais sutil.

Seu segundo single, Venice Bitch, será lançado na próxima terça-feira (18), mas você terá que esperar até 2019 para poder ouvir o álbum completo.

Dazed

Lana Del Rey está de volta novamente, mas desta vez com uma típica e fabulosa balada californiana na forma de Mariners Apartment Complex. Agora, ela conta com o auxílio do produtor e hitmaker Jack Antonoff, de acordo com o que é informado na primeira faixa de seu próximo álbum (previsto para ser lançado em 2019).

A canção estreou no programa da radialista Annie Mac, na BBC Radio 1, nesta última quarta-feira (12), onde Del Rey concedeu uma breve entrevista. Ela disse que a música é sobre a falta de conexão entre a percepção e a realidade nos relacionamentos, uma “faixa para o fim do verão”. É graciosa e despojada, recordando os dias dissipados e reverberados de seu álbum Ultraviolence. A cantora também acrescentou que está trabalhando em um livro de poesias que ela mesma pretende publicá-lo.

Antonoff produziu ambas as novas faixas — ele é conhecido por seu trabalho em Melodrama, de Lorde, e também nos álbuns de Carly Rae Jepsen e Tegan and Sara, e faz suas próprias músicas em sua banda Bleachers.

A ex-capa da Dazed descreveu seu sexto álbum de estúdio como mais “praiano”, brincando mais com a guitarra. Ela lançará outra faixa, intitulada Venice Bitch, em 18 de setembro. Um vídeo para a nova faixa será lançado também, e dirigido por sua irmã e artista visual Chuck Grant.

Desde o excelente álbum do ano passado, o Lust For Life, a artista compartilhou uma demo antiga que foi utilizada na trilha sonora de um documentário sobre o rei do rock Elvis Presley e juntou-se com Cat Power na canção Woman.

Del Rey entrou em polêmica no mês passado, quando foi criticada por ativistas palestinos e apoiadores de boicote a Israel por aparecer no line-up do Meteor Festival. Ela já desistiu da apresentação.

USA Today

Lana Del Rey vem se tornando cada vez menos polarizadora desde que seu single Video Games, de 2011, surgiu na internet. E com cada novo lançamento, ela luta contra os argumentos de que não está entre as grandes estrelas pop de sua geração — não necessariamente refutando sua reputação de cantora que só faz dramáticas baladas sobre amor e corações partidos, mas capturando uma vibe diferente, embora igualmente evocativa, ou adicionando nuances a uma situação sobre a qual ela já cantou repetidas vezes.

Similarmente, Mariners Apartment Complex nos transmite uma atmosfera de Del Rey em uma praia — um de seus locais favoritos — enquanto estende a mão a um amante ao som de uma melodia fabulosa de folk-rock, cortesia de sua colaboração com o produtor favorito das estrelas Jack Antonoff. Esta é a primeira canção em que a dupla trabalhou junta e um sinal promissor para seu sexto álbum.

Pitchfork

Percorrendo diferentes aspectos de sua persona artística, Lana Del Rey continua ficando mais perto da essência dela. O brilho hip-hop e trip de Born To Die, de 2012, deu espaço ao psych-rock ardente do álbum de 2014, Ultraviolence, o que levou ao opulento langor Honeymoon, de 2015. O brilhante Lust For Life do ano passado apresentou a garota triste prototípica do alt-pop como realmente — poderia ser isso? — feliz. Mariners Apartment Complex, seu primeiro novo single desde este álbum, vai um passo mais longe. Coloca uma Lana Del Rey que não é somente totalmente desenvolvida mas também um porto numa tempestade, tão reconhecível e reconfortante quanto o velho rádio AM sintonizando as atualizações de música.

Ela se diverte em seus poderes acumulados aqui. É sua primeira colaboração com Jack Antonoff, um produtor que foi tão onipresente ano passado que sua presença nessa faixa poderia causar desatenção, mas isto não é o caso aqui. Assim como as colaborações anteriores da cantora, incluindo com Dan Auerbach do The Black Keys em Ultraviolence, esta se torna completamente dela. Musicalmente, é uma sombria balada rock estilo anos 1970 com piano, violão e cordas repentinas. A letra, da qual ela sussurra tanto quanto canta, é astuta e inescrutável como de costume, referindo-se a cultura pop como se fosse mitologia grega moderna. Passado tudo isto, ela insiste que não é o que nós pensávamos que ela fosse — ela é mais forte. “Não sou a vela ao vento”, ela declara, e então, depois, “Você está perdido no mar, então eu irei comandar seu barco até a mim novamente”. O objetivo é claro: este é o mundo de Lana, nós estamos apenas vivendo nele.

Tradução por Clara Gurgel e Thiago Goedert – Equipe Lana Del Lovers.